Energia limpa e eficiente para Indústrias

Menos custos de manutenção de máquinas, transporte e armazenamento de combustível inflamável. Mais eficiência dos equipamentos e segurança.
Saiba mais

Segurança e praticidade para o seu condomínio

O Gás Natural canalizado não é tóxico e não exige estocagem; com ele, também não existe preocupação com troca de botijão.
Saiba mais

GNV: Economize com combustível

O GNV rende mais e custa cerca de 50% menos que outros combustíveis, além de emitir menos poluentes e ser fácil de instalar.
Saiba mais

Versatilidade e vantagens para o Comércio

O Gás Natural oferece muitas opções de utilização, da climatização ao forno do seu estabelecimento comercial.

Saiba mais

01 - Notícias

  • 23
  • SET
  • 2019

Mossoró recebe investimentos e novos usuários

A expansão da rede de gasodutos da Companhia Potiguar de Gás em Mossoró fez aumentar a quantidade de usuários do gás natural canalizado no município do Oeste potiguar. Somente nos últimos dois meses, mais de 300 unidades dos segmentos comercial e residencial foram interligadas à rede da Potigás. Em 2019, a cidade ganhou mais de 6 mil metros de malha de gasodutos.

Foram interligados os condomínios residenciais Carlito Lima (48 unidades), Spazio di Florença (102), West Palace (46 unidades), Vinicius de Moraes (34 unidades), Spazio di Bergamo (54 unidades), todos localizados no bairro de Nova Betânia, além do condomínio Ary Salem (30 unidades), no bairro Doze Anos.

Já no segmento comercial, passaram a usufruir os benefícios do gás natural canalizado os restaurantes Sal da Terra (Aeroporto), Picanha Go! (Nova Betânia) e La Goccia Blu (Centro). O Hospital Wilson Rosado, localizado no bairro Abolição e referência no Oeste do estado, também foi interligado à rede de gasodutos da Potigás.

Com os novos usuários, a cidade agora conta com mais de 2 mil clientes nos quatro segmentos de atuação: residencial, comercial, industrial e veicular. “Por meio dos investimentos que estão sendo realizados na expansão da rede, é possível ampliar a distribuição, a infraestrutura e o acesso ao gás natural canalizado”, afirma Antonio Saldanha, gerente da Base de Mossoró da Potigás.

voltar
0 Pessoa(s) Comentaram:

Os campos abaixo apresentam erro:

    Cadastrado com sucesso