Energia limpa e eficiente para Indústrias

Menos custos de manutenção de máquinas, transporte e armazenamento de combustível inflamável. Mais eficiência dos equipamentos e segurança.
Saiba mais

Segurança e praticidade para o seu condomínio

O Gás Natural canalizado não é tóxico e não exige estocagem; com ele, também não existe preocupação com troca de botijão.
Saiba mais

GNV: Economize com combustível

O GNV rende mais e custa cerca de 50% menos que outros combustíveis, além de emitir menos poluentes e ser fácil de instalar.
Saiba mais

Versatilidade e vantagens para o Comércio

O Gás Natural oferece muitas opções de utilização, da climatização ao forno do seu estabelecimento comercial.

Saiba mais

01 - Notícias

  • 10
  • MAI
  • 2018

Equipe da Potigás participa do Seminário “Nova Geração do Biogás”

Pensar em novas estratégias para diversificar a matriz energética do Rio Grande do Norte e ainda contribuir com a preservação do meio ambiente. Com esse objetivo, a Companhia Potiguar de Gás (Potigás) se insere nas discussões e projetos relativos ao biogás e biometano, produzido a partir da decomposição de matéria orgânica. Para isso, os engenheiros Ramid Medeiros, Josimar Pereira e Franciney Souza participam do Seminário Técnico “Nova Geração do Biogás”, realizado na quarta-feira, 9, em São Paulo, pela Associação Brasileira de Biogás e Biometano (ABiogás).

Na ocasião, foram discutidas novas tendências no mercado nacional e internacional e os próximos investimentos tecnológicos no segmento. Participaram do seminário representantes das empresas transmissoras, geradoras, distribuidoras e autoprodutores de energia elétrica, empresários, especialistas, representantes dos governos e das distribuidoras de gás natural.

Uma das tratativas do encontro foi a relevância do investimento em mais eficiência para o setor com o aproveitamento energético dos resíduos para geração do biogás e os desafios para o desenvolvimento do insumo como fonte de energia no Brasil. Também foram expostos cases do sucesso na geração de biogás e biometano. Segundo o vice-presidente da ABiogás, Gabriel Kropsch, pela primeira vez, em 30 anos, todos os entes envolvidos na cadeia do Biogás estão alinhados e pensando em soluções em conjunto para o desenvolvimento do setor. “É o momento mais propício para a discussão do tema no Brasil”, afirmou.

Depois do encontro, nesta quinta-feira, 10, os engenheiros da Potigás visitaram a Associação Brasileira de Biogás e Biometano (ABiogás) para obter mais informações acerca da atuação da entidade e as ações que estão sendo realizadas.

O presidente da Potigás, Beto Santos, destaca a importância do tema para o Estado em virtude do potencial para diversos segmentos de produção de biogás no Rio Grande do Norte. “O tema Biogás está dentro da nossa realidade e é um elo importantíssimo para o nosso negócio. É necessário o conhecimento de todos os gestores. Diante disso, vamos fomentar a união de todos os interessados para fechar a cadeia de produção, distribuição e consumo deste importante combustível. Desta forma, conseguiremos colocar a Companhia em um patamar ainda mais alto, melhorando nossa área de atuação e, consequentemente, os nossos resultados, tanto financeiros e, principalmente, como agente do fomento ao desenvolvimento econômico e social do nosso Estado”, garantiu.

voltar
0 Pessoa(s) Comentaram:

Os campos abaixo apresentam erro:

    Cadastrado com sucesso