Energia limpa e eficiente para Indústrias

Menos custos de manutenção de máquinas, transporte e armazenamento de combustível inflamável. Mais eficiência dos equipamentos e segurança.
Saiba mais

Segurança e praticidade para o seu condomínio

O Gás Natural canalizado não é tóxico e não exige estocagem; com ele, também não existe preocupação com troca de botijão.
Saiba mais

GNV: Economize com combustível

O GNV rende mais e custa cerca de 50% menos que outros combustíveis, além de emitir menos poluentes e ser fácil de instalar.
Saiba mais

Versatilidade e vantagens para o Comércio

O Gás Natural oferece muitas opções de utilização, da climatização ao forno do seu estabelecimento comercial.

Saiba mais

01 - Notícias

  • 20
  • ABR
  • 2017

Colaboradores da Potigás participam de oficina de alimentação saudável

A correria do dia a dia, muitas vezes, se transforma em desculpa para que as pessoas se alimentem de forma errada e provoquem inúmeros prejuízos à saúde. Pensando nisso, a Companhia Potiguar de Gás (Potigás), através da Gerência de Segurança, Meio-Ambiente e Saúde promoveu uma oficina de alimentação saudável para os colaboradores. O evento foi realizado na manhã desta quinta-feira, 20, na sede da Companhia.

Segundo a nutricionista do Serviço Social da Indústria (Sesi), Fernanda Menezes, que ministrou a oficina para os colaboradores, o objetivo é incentivar a mudança de comportamento com relação à alimentação. “Promover essa modificação reflete diretamente na qualidade de vida das pessoas e também influencia no ambiente de trabalho”, apontou.

Na ocasião, foram expostos aspectos relativos à segurança alimentar, aproveitamento integral dos alimentos, higienização, harmonização, grupos de nutrientes e até receitas saudáveis. Outro assunto abordado foi a classificação dos alimentos. “É bom saber e compreender as diferenças entre os alimentos in natura, os minimamente processados, os processados e os ultraprocessados. Além disso, conferir sempre os rótulos dos produtos para conhecer os ingredientes”, explicou.

Entre as dicas gerais, a ministrante destacou as principais. “As pessoas devem preferir os alimentos in natura e os minimamente processados. Utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades. Também é importante limitar os processados e, se for consumir, comer pequenas quantidades. Já os ultraprocessados devem ser evitados”, afirmou a nutricionista.

O gerente de Segurança, Meio-Ambiente e Saúde da Potigás, Thiago Fernandes, destacou que a oficina integra o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) da Companhia. “A alimentação saudável aliada à atividade física e a bons relacionamentos sociais são bases para a boa qualidade de vida. A boa alimentação também é fundamental para a saúde das pessoas e tem reflexos na vida laboral”, esclareceu.

voltar
0 Pessoa(s) Comentaram:

Os campos abaixo apresentam erro:

    Cadastrado com sucesso